Devo virar um Product Manager?

Este é meu primeiro post para o meu site. E nada melhor que começar com um tema intrigante e que pode fazer você repensar suas aspirações profissionais: a realidade por trás da promessa de salários de R$10.000 ou R$20.000 como Product Manager (PM) e a saturação desse mercado.

A Explosão dos Cursos de Product Manager: Uma Análise Crítica

Nos últimos anos, testemunhamos uma proliferação de cursos prometendo transformar qualquer um em um Product Manager competente. Mas eles entregam o que prometem? A verdade é que muitos desses cursos focam excessivamente em teoria, deixando de lado a prática essencial. Eles pintam um quadro atraente, mas a realidade do mercado de trabalho é bem diferente. Engolir e decorar todas as teorias, provavelmente vai te ajudar em passar em uma entrevista básica. Mas na hora que chegar na parte técnica, onde perguntarão sobre cases, portfólio, experiência e etc. a coisa fica mais complicada.

A Superficialidade do Conteúdo e a Falta de Prática

Muitos desses cursos são superficiais, abordando conceitos de PM de forma genérica e sem aprofundamento. Isso cria uma ilusão de preparo, mas, na prática, os alunos saem com um conhecimento raso, incapazes de enfrentar os desafios reais da profissão. E não pense que não é possível criar um curso que ensine também com prática. É possível sim. E o mais triste, é que até escolas especializadas em Scrum e Product Manager não aplicam prática durante os cursos. Isso só piora o estado do mercado.

A Saturação do Mercado de Trabalho para PMs

O apelo desses cursos gerou uma enxurrada de candidatos a PM no mercado, tornando-o saturado. Muitos profissionais bem-intencionados estão lutando para encontrar posições, enquanto as empresas se tornam cada vez mais seletivas. E quando o mercado está saturado, o que você tem? Vagas que abrem, no linkedIn por exemplo, e em menos de 1 hora chegam a ter 200 candidatos. Se a empresa que está recrutando não tem uma ferramenta de análise de currículos com inteligência artificial, dificilmente o recrutador irá ler 200 currículos. Eu já vi vagas no LinkedIn com mais de 1000 candidatos para uma vaga Pleno com 3 dias de abertura da vaga. A realidade é essa. E se você está começando nessa área, saiba que as chances de entrar no mercado como Júnior não será uma tarefa fácil. Tanto é que boa parte dos profissionais que ocupam as vagas de Júnior nas empresas, são pessoas da própria empresa que estão migrando de área e encontram essa oportunidade de começar a trabalhar já na empresa que estão.

A Certificação PSPO: Um Básico Necessário, Mas Não Suficiente

Um aspecto frequentemente destacado nesses cursos é a obtenção da certificação PSPO (Professional Scrum Product Owner). Embora essa certificação possa abrir portas, ela não garante sucesso na carreira. PSPO demonstra um conhecimento fundamental em Scrum e Product Ownership, mas ser um PM eficaz vai muito além disso. Uma das réguas que as empresas estão usando para filtrar a enxurrada de candidatos, é exigir o PSPO como requisito obrigatório. E, sinceramente, tirar o certificado não é trabalhoso. Você vai gastar cerca de US$500 com o certificado e um curso básico. Alguns cursos podem chegar a R$7.000 já com o valor do exame. Para muitos que estão começando, esse já é um obstáculo. Mas se eu pudesse dar uma dica para você que já é PM, tire o certificado. Mesmo que na prática, nós sabemos, que não vai acrescentar muita coisa, caso você precise um dia de procurar um emprego, você já terá superado essa questão.

Como disse acima, só o certificado não é o bastante. Infelizmente, ser um bom PM é algo que vamos aprendendo com o tempo e com muita prática. Mas vou destacar algumas habilidades que julgo importante.

Habilidades Essenciais de um Product Manager de Sucesso

Então, quais são as habilidades reais que o mercado busca em um PM? Algumas cruciais:

  1. Visão Estratégica: A habilidade de entender o mercado, antecipar tendências e alinhar o produto com as necessidades do cliente.
  2. Habilidades de Liderança: Ser um PM significa liderar equipes multifuncionais, gerenciar stakeholders e inspirar confiança.
  3. Comunicação Eficaz: Transmitir ideias claramente e persuadir outros é fundamental.
  4. Habilidades Analíticas: A capacidade de interpretar dados para tomar decisões informadas é indispensável.
  5. Empatia com o Usuário: Entender profundamente as necessidades e dores do usuário para criar produtos que ressoem com o público-alvo.

Como Desenvolver Estas Habilidades

Agora, como você pode desenvolver essas habilidades? Aqui estão algumas dicas:

  1. Experiência Prática: Não há substituto para a experiência. Procure oportunidades, mesmo em pequena escala, para gerenciar produtos ou projetos.
  2. Mentoria e Networking: Conecte-se com PMs experientes. Aprenda com seus insights e experiências.
  3. Educação Continuada: Além dos cursos básicos, procure formações avançadas e específicas.
  4. Feedback e Reflexão: Peça feedback regularmente e reflita sobre suas experiências para melhorar continuamente.

Conclusão: Pensando Além do Título

Tornar-se um Product Manager é mais do que apenas obter um certificado ou completar um curso. Nem vou entrar no mérito aqui, da quantidade de PM que tem o título de PM, mas o que ele executa mesmo é compatível com um Analista de Requisitos. Ou seja, ele basicamente escreve storys que a diretoria manda e dá feedback pro stakeholder. Isso merece um texto só para falar disso.

Saiba que é um caminho que exige dedicação, desenvolvimento contínuo de habilidades e uma compreensão profunda do mercado e dos usuários. Antes de se lançar em um curso de PM, questione-se se está disposto a ir além do básico e realmente mergulhar no que a profissão exige.

Se quiser ler mais sobre Como encontrar uma vaga como Product Manager, dê uma olhada nesse texto.

Espero que este post tenha lhe dado uma perspectiva mais clara e realista sobre a carreira de Product Manager. Como sempre, estou aqui para dialogar, então deixe suas opiniões e perguntas nos comentários!

Até a próxima, e lembre-se: o conhecimento e prática são a chave para não apenas entrar no mercado, mas para se destacar nele!

Compartilhe esse Post:
Guilherme Reis

Guilherme Reis

Graduado em Engenharia de Software. Fui professor de Programação e Blockchain na Faculdade Arnaldo e na Escola Superior de Advocacia da OAB-MG. Eu também fui professor no curso MBA em Blockchain da XPeducação (IGTI).São pelo menos 15 anos me especializando em construir e entregar produtos de sucesso.

1 comentário em “Devo virar um Product Manager?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:

Aumento da Taxa de Conversão

Ampliando a Taxa de Conversão

No universo digital de hoje, a taxa de conversão é uma métrica fundamental para o sucesso de qualquer negócio online. Ela não apenas reflete a ...
Aprendizado Contínuo

A Importância do Aprendizado Contínuo

A gestão de produtos é um campo dinâmico, essencial para o sucesso de qualquer empresa. Ela envolve não apenas o desenvolvimento de produtos, mas também ...
Rolar para cima